terça-feira, 28 de setembro de 2010

Rolinhos de canela

Mais uma receita adaptada da edição especial da Claudia Cozinha - pães e bolos que está conosco desde 2002. A Rosley identificou no sabor e na textura a lembrança dos pretzels vendidos em Shoppings, o fato é que ficou bem saboroso.
Ingredientes:
Massa: 2 1/2 xícaras de farinha de trigo; 1/3 de xícara de leite fervente (usei 1/2 xícara de leite morno); 1/4 de xícara de açúcar; 1/4 de xícara de manteiga; 1/2 colher de chá de sal; 1 ovo; 1 tablete de fermento biológico fresco (usei 2 sachês de fermento biológico seco).
Recheio: 2 xícaras de açúcar (usei 1 e 1/2); 1/2 xícara de uva passa; 1/4 de xícara de manteiga; 2 colheres de chá de canela.
Cobertura: 2 colheres de sopa de açúcar; 2 colheres de sopa de manteiga; 1 colher de chá de canela.
Modo de fazer:
Massa: Misture os ingredientes secos, acrescente o ovo e misture, acrescente também o leite e a manteiga misturados e aquecidos no microondas. Misture bem e, se necessário, acrescente mais farinha sovando sempre até obter uma massa lisa e elástica. Pincele com óleo, cubra com filme plástico e pano de prato e deixe crescer em local protegido. Abra a massa em um retângulo de 30x40 cm.
Recheio: 1) Pincele a massa com a manteiga derretida. Espalhe o açúcar, a canela e as passas. enrole pelo lado mais comprido e corte em doze fatias. 2) Coloque as fatias em um refratário (usei forma de alumínio untada), deixando um espaço entre elas. Cubra e deixe crescer novamente. Aqueça o forno em temperatura média(210°) e asse por 30 minutos ou até dourar.
Cobertura: Misture os ingredientes e leve ao fogo até dissolver o açúcar. Pincele a rosca ainda quente. Desenforme quando estiver morna.
Dica: Dei uma bobeira e deixei esfriar. Mesmo com a forma untada, o açúcar derrete e gruda no fundo, assim o melhor seria usar uma forma antiaderente e de fundo falso.

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Pão napolitano

Não me perguntem porque esse pão foi chamado de napolitano. É mais um daqueles retirados do caderno de receitas da Rosley. Segundo ela, essa receita foi passada pelo Chef Álvaro Rodrigues no tempo em que ele participava do programa da Ana Maria Braga. Na realidade seriam pãezinhos, resolvi fazê-los maiores e fatiá-los. Fico devendo a foto das fatias. Nessa foto dá pra ver uma parte do recheio.
1. Massa do pão
-Ingredientes:
Aproximadamente 800 gr de farinha de trigo; 2 ovos inteiros ligeiramente batidos; 25 gr de manteiga sem sal; 1/4 de xícara de óleo de milho; 400 ml de água (usei leite morno); 1 colher de sopa de sal; 1 colher de sopa de açúcar; 2 envelopes de fermento biológico seco.
-Modo de fazer:
Misturar a metade da farinha com o fermento, o açúcar e o sal em uma tigela grande. Em outra misturar os demais ingredientes líquidos. Acrescentar os líquidos aos secos e misturar bem. Aos poucos juntar o restante da farinha e ir sovando até obter uma massa elástica e lisa. Cobrir com filme plástico e pano de prato e deixar crescer até dobrar de tamanho. Repartir em quatro pedaços, esticar com rolo, rechear e deixar crescer novamente em forma untada. Pincelar com uma gema misturada a azeite de oliva, água e molho shoyu. Polvilhar com orégano e/ou gergelim. Assar até dourar.
2. Recheio
350 gr de presunto; 350 gr de queijo mussarela; requeijão culinário e orégano a gosto. Arrumar o presunto no centro da massa já esticada, colocar o queijo e o requeijão por cima e polvilhar orégano. Fechar o pão.

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Pão de milho (Fleischmann)


Gosto de pão de milho e de experimentar algumas misturas que existem no mercado. Assim, comprei a mistura para Pão de Milho da Fleischmann e fui à luta. Achei que não ia dar certo mas... não é que ficou bom! Prometo que vou fazer outro pão de milho para comparar, dessa vez sem a mistura.
Ingredientes:
1 mistura para Pão de Milho Fleischmann, 1 xícara de água e 1 envelope de fermento biológico seco.
Modo de fazer:
Seguir as instruções da embalagem. Achei a massa meio "dura" para sovar, mas acho que é assim mesmo.

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Geléia de bergamota

Esta receita é muito conhecida aqui em Santa Maria pelas pessoas que frequentaram a Sociedade de Mulheres da Igreja Metodista Central. D. Edelmira Dutra, mais conhecida como Dona Dida, foi quem ensinou à Rosley em 2002. Fica muito boa! A preparação é um pouco trabalhosa, mas o resultado é fantástico!
Ingredientes:
12 bergamotas bem lavadas (daquelas de casca fininha e bem cheirosa); 1 kg de açúcar; e 1 litro de água.
Modo de fazer:
Descasque as bergamotas e reserve as cascas. Com uma tesoura, corte-as em tirinhas. Coloque em uma panela com água e deixe ferver, escorra, coloque novamente na água fria e deixe ferver. Faça isso 3 vezes. Enquanto isso, separe os gomos, retire as sementes usando uma tesoura e retire também todas as partes brancas internas.
Coloque os gomos já limpos numa panela e acrescente o açúcar e a água. Junte também as cascas já escorridas e fervidas.
Deixe ferver por aproximadamente 2 horas. De vez em quando dê uma olhada e uma mexida. No final vá testando a consistência em um pires até achar o ponto ideal.

sábado, 11 de setembro de 2010

Pão de batata, o famoso...


Temos várias revistas Claudia Cozinha, esta receita está em uma delas sem a capa, assim não sabemos exatamente de que ano ela é. Achamos que é de 1989 ou 1990... Encontra-se na seção SOS COZINHA. Devidamente adaptada por nós, ficou uma delícia! Na foto acima está com uma Geléia de Bergamota maravilhosa que será postada a seguir.

Descasque 3 batatas médias e cozinhe em 2 xícaras de água com sal, por 20 minutos ou até que estejam macias. Escorra e reserve 1/2 xícara do líquido do cozimento. Passe as batatas pelo espremedor. Despeje o líquido reservado numa vasilha, junte 3 colheres (de sopa) de manteiga derretida, 3/4 de xícara de leite morno, 3 colheres (de sopa) de açúcar, 1 colher (de chá) de sal e as batatas espremidas. Em outra vasilha grande coloque 2 xícaras de farinha de trigo e 2 sachês de fermento biológico seco. Misture bem. Acrescente os ingredientes da outra vasilha e bata bem. Vá juntando farinha de trigo e amassando até a massa ficar lisa. Coloque sobre uma superfície polvilhada e amasse até obter uma massa lisa e elástica. Coloque papel filme sobre a massa, cubra com um pano e deixe crescer até dobrar de volume. Modele os pães e coloque em forma untada. Deixe crescer novamente. Pincele com uma gema misturada com 1 colher (de sopa) de água e 1 colher (de chá) de molho shoyu (opcional). Polvilhe gergelim (opcional). Leve para assar em forno moderado (200°) pré-aquecido até dourar.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...